CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Site Oficial
da Confederação
Brasileira de
Handebol

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Buscar

CBHb no Facebook CBHb no Twitter CBHb no YouTube CBHb no Instagram

Brasil encerra participação no Mundial Feminino de Handebol

Equipe fechou a competição no 18° lugar após ser superada pela Polônia

Leipzig (ALE) - A participação brasileira no Mundial Feminino de Handebol, na Alemanha, chegou ao fim nesta segunda-feira (11). Após ser superada pela Polônia, em Leipzig, a equipe fechou a disputa na 18ª colocação. O placar do jogo, que foi bem equilibrado, terminou 27 a 29 (13 a 15 no primeiro tempo).

O Brasil disputou o campeonato com um grupo bastante renovado após a saída de algumas atletas veteranas. O técnico Jorge Dueñas, que assumiu o comando da equipe esse ano, lembra que a Seleção irá fazer um forte trabalho de olho nos próximos Jogos Olímpicos, no Japão, em 2020.

"Saio desapontado pelo primeiro resultado com a equipe, mas devemos pensar no futuro porque temos como foco Tóquio. Esse time tem novas jogadoras e temos que pensar que elas tiveram uma boa experiência nessa competição e essa experiência nos servirá no futuro", lembrou.

Sobre o jogo, o treinador lamenta que a equipe não tenha feito uma partida suficientemente boa para vencer. "Para nós, esses jogos de hoje e de ontem foram muito difíceis porque perdemos a chance de nós classificarmos no último duelo em Oldenburg e foi difícil ter concentração. Gostaríamos de vencer a Polônia porque jogamos há dez dias contra elas, e elas venceram com um placar bem aberto, porém, o que fizemos não foi suficiente."

A ponta direta Mariana Costa, artilheira do Brasil nesta segunda, acredita que futuramente a equipe tem tudo para evoluir de olho nos próximos campeonatos. "Esses últimos dois jogos foram muito difíceis, em consequência do confronto duro contra Montenegro quando não conseguimos a classificação. Tivemos que colocar a cabeça no lugar, mas foram jogos difíceis por isso. Deixamos o Mundial e temos que nos unir e trabalhar mais para estarmos prontas para o próximo."

Gols do Brasil - Mariana (8), Ana Paula (5), Eduarda (4), Dayane (4), Lígia Danielle (1), Tamires Araujo (1), Patrícia Matieli (1) e Deonise (1).

Programação e resultados

Primeira fase - Grupo C

Sábado (02/12)
Rússia 36 x 16 Tunísia 
Brasil 28 x 28 Japão 
Dinamarca 24 x 31 Montenegro

Domingo (03/12)
Tunísia 22 x 23 Brasil 
Montenegro 23 x 24 Rússia 
Japão 18 x 32 Dinamarca

Terça-feira (05/12)
Montenegro 28 x 29 Japão 
Rússia 24 x 16 Brasil 
Dinamarca 37 x 19 Tunísia

Quarta-feira (06/12)
Rússia 29 x 28 Japão 
Tunísia 23 x 29 Montenegro 
Brasil 20 x 22 Dinamarca

Sexta-feira (08/12)
Japão 31 x 13 Tunísia 
Brasil 23 x 23 Montenegro
Dinamarca 25 x 32 Rússia

Presidents Cup

Domingo (10)
Brasil 28 x 26 Camarões

Segunda-feira (11)
Brasil 27 x 29 Polônia

Seleção Feminina

Goleiras - Bárbara Arenhart (Vaci NKSE-Hungria) e Mayssa Pessoa (Rostov Don-Rússia).
Armadoras - Deonise Fachinello (CS Magura Cisnadie-Romênia), Eduarda Amorim (Gyori Audi ETO-Hungria), Karoline Souza (Vaci NKSE-Hungria) e Patrícia Batista da Silva (Thuringer-Alemanha).

Centrais - Ana Paula Rodrigues Belo (Rostov Don-Rússia), Danielle Jóia (Pinheiros-SP) e Patrícia Matieli Machado (Vistal Gdynia-Polônia).

Pontas - Dayane Pires da Rocha (São Bernardo/Unip-SP), Jéssica Quintino (HC Odense-Polônia), Mariana Costa (CS Magura Cisnadie-Romênia) e Samira Rocha (Kisvarda Master Good-Hungria).

Pivôs - Lígia Costa (Pogon Szczecin-Polônia), Tamires Anselmo Costa (Pinheiros-SP) e Tamires Morena-(Larvik Handball Klubb-Noruega).

Comissão técnica
Técnico: Jorge Dueñas 
Supervisor: Álvaro Herdeiro 
Assistente técnico: Cristiano Rocha 
Auxiliar técnico: Sérgio Graciano 
Médica: Pauline Buckley
Fisioterapeuta: Marina Calister 
Nutricionista: Júlia do Valle Bargieri

Apoiador Oficial

Cola Oficial

Apoio

Links

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol